Tratamento caseiro para as olheiras

Por: Manuela Rodrigues | junho 20, 2018

Hoje em dia a maioria das mulheres vive uma rotina bem agitada e não acaba sobrando muito tempo para realizar tratamentos para cuidar da pele, por exemplo. Neste tipo de situação, a melhor escolha é fazer tratamentos caseiros. Com esta opção além de otimizar o seu tempo, você também economiza no bolso! E hoje eu vou te dar algumas dicas incríveis sobre como fazer tratamento para as olheiras em casa.

A olheira é uma das principais fontes de desconforto entre as mulheres. Muitas não conseguem sair de casa sem pelo menos um pouco de corretivo. Mas você sabe qual é a causa das olheiras? Boa parte dos casos são de origem genética, principalmente quem tem sulcos profundos – além da genética, esse tipo de olheira pode ser resultado de emagrecimento excessivo ou insônia. Outros casos de olheiras são resultados de fatores e situações que aconteceram ao longo da vida, como por exemplo, rugas, flacidez e bolsas. Outro fator importante é a pigmentação extra, são pessoas de pele morena que costumam apresentar escurecimento da pele na pálpebra.

Mas como tratar? Além de sempre ter o acompanhamento do dermartologista, que vai indicar o dermocosmético mais adequado para o seu caso, existem alguns cuidados que você pode ter diariamente.

  1. Compressas de água fria

As compressas de água fria são um ótimo tratamento caseiro para olheiras, já que a água fria provoca vasoconstricção (diminuição dos vasos) e melhora o aspecto local.

  1. Gazes embebidas em leite

O leite também tem propriedades interessantes para quem tem olheiras, isso porque ele possui ácido lático, que é uma substância que hidrata, renova e clareia a pele.

  1. Sachês de chá de camomila gelados

Aplicar os sachês gelados de chá de camomila nos olhos tem um efeito semelhante às compressas de água fria. Mas aqui a diferença está na camomila que tem flavonoides que contribuem para uma melhora da circulação na região das olheiras.

  1. Rodelas de pepino

Essa dica você já deve ter visto em algum filme! E acredite: funciona! Coloque rodelas geladas de pepino sobre os olhos. O pepino contém flavonoides em sua composição, o que melhora a tonicidade dos vasos locais e o aspecto das olheiras.

 

Saiba como cuidar das unhas no inverno

Por: Manuela Rodrigues | junho 12, 2018

Com a chegada do frio não é só a nossa pele e cabelo que precisam de uma atenção extra. Nas temperaturas mais baixas as unhas também sofrem ressecamento e merecem um cuidado maior. É claro que este período requer muita hidratação e uma alimentação balanceada. Mas eu também vou te dar algumas que são essenciais para manter as unhas saudáveis no inverno.

1.Hidratação

Acredite, você precisa hidratar as cutículas. No inverno, com as temperaturas mais baixas, a pele sofre com a falta de hidratação e a região ao redor das unhas tende a ficar mais grossa e até a descamar. Além de beber muita água e manter uma alimentação saudável como já falamos, é importante nutrir a cutícula com um bom hidratante. Existem no mercado diversas opções de ceras e óleos específicos para esta área. Os cremes para as mãos também podem ser um ótimo aliado. As mãos também tendem a ficar ressecadas, então leve um creminho na bolsa e aplique sempre que possível.

2.Base

Outro item mais do que importante para a saúde das unhas no inverno são as bases fortalecedoras. Mesmo que sua unha se mostre forte é imprescindível usar uma camada do produto durante essa estação, já que ele contém vitaminas e nutrientes muito benéficos. A utilização da base fortalecedora ainda é muito importante para proteger a unha dos pigmentos dos esmaltes coloridos, que podem acabar amarelando a sua superfície.

3.Evite o removedor de esmalte

Eu uso, você usa, todo mundo usa ou já usou acetona na vida. E a acetona é um ativo nocivo para a saúde das unhas. Ele deve ser evitado a todo custo, especialmente nos dias mais frios, que é o momento em que as unhas ficam mais fragilizadas. Uma dica para retirar o esmalte: dê preferência para produtos mais suaves e que tenham agentes hidratantes e/ou fortalecedores.

Bad Hair Day? 3 penteados que vão salvar seu dia!

Por: Manuela Rodrigues | junho 8, 2018

Está em um bad hair day? Não se preocupe porque nem tudo está perdido. E eu ainda vou te contar uma coisa, isso é a coisa mais normal de acontecer. Todo mundo já acordou com o cabelo feio, sem saber o que fazer, ou às vezes o problema não é nem no cabelo, é na sua autoestima. Nesses momentos a minha dica é fazer uma make usando o que te faz sentir linda! Se é um delineador forte, faça! Se é um batom vermelho, use! O importante é se sentir bem e bonita!

E para os dias de bad hair day, eu vou te dar três dicas de penteados que vão salvar o seu dia! Aproveite ♥

1.Rabo de Cavalo

Sim, o velho e bom rabo de cavalo. Quem nunca recorreu à ele quando o cabelo estava feio? Mas a minha dica é utilizar esse penteado de outras formas. Você pode, por exemplo, usar ele “meio solto-meio preso”, com volume tanto no rabo, quanto na raiz. Dar uma bagunçada com o pente é uma boa escolha. Caso tenha franja, deixe-a solta na parte da frente, pra dar mais movimento ao penteado. Veja alguns exemplos abaixo:

Inspiração Pinterest

Outra dica é o Bubble Ponytail. Já ouviu falar? É penteado em que o rabo fica preso várias vezes. O visual virou tendência depois que várias famosas utilizaram em eventos. E o mais legal é que este penteado funciona para todos os tipos de cabelo – lisos, ondulados e cacheados. Coloquei alguns exemplos abaixo:

2.Coque

Sim, ele, o famoso coque! Não tem muito segredo para quem quer utilizar esse penteado. Mas todas podemos concordar que ele salva a nossa vida em muitos dias, rs. Uma dica legal – pra quem tem cabelo comprido – é deixar só a parte de cima do cabelo presa. Esta forma de coque já foi adotada, inclusive, por muitas famosas:

Agora falando no cabelo preso completamente, você pode inovar fazendo uma trança bem rente a raiz ou também fazer o coque mega alto que também é uma super tendência! Eu amo esse penteado porque ele também pode ser feito com qualquer tipo de cabelo:

3.Trança

Por último mas não menos importante: a trança! Esse penteado é utilizado há muuuuitos anos e continua sendo um dos queridinhos das mulheres. O legal é que a trança pode ser usada tanto em casa, no dia a dia, quanto em alguma festa. Basta você escolher algumas versões mais “modernas”. Há algum tempo a trança boxeadora se tornou uma tendência e vou te dizer que eu adoro!

Você pode optar pela trança tradicional embutida também, que eu adoro! Esse penteado, assim como os outros, é bem democrático, pode ser feito com qualquer tipo de cabelo!

Tendência de esmaltes para o inverno 2018

Por: Manuela Rodrigues | junho 6, 2018

O inverno já está batendo na porta e eu vou te contar quais cores de esmalte são tendência nessa estação. E é sempre bom ter uma ajudinha não? Afinal, quem nunca se sentiu indeciso na hora de escolher a cor que vai passar a semana? Ainda mais se você vai no salão e tem dezenas, às vezes até centenas de cores à disposição.

No verão, por exemplo, é mais comum utilizarmos cores mais “abertas”, mas claras, como amarelo, nude, branco, pink e laranja. Já no inverno, a dica é optar por tons escuros, mais “fechados”, como cinza, marrom, roxo e metalizado. Mas é claro que existem algumas cores que nunca saem de moda como o preto e vermelho. Você também pode inovar combinando o look com o esmalte. Como? Que tal um look todo preto com um tom vibrante ou brilhoso como o dourado metalizado? A cor da unha vai dar um toque todo especial, além de modernizar o visual.

Espero que vocês se inspirem com essas dicas e escolham a cor que é tendência e que combina com o seu estilo 🙂

Como cuidar dos cabelos nos dias mais frios?

Por: Manuela Rodrigues | maio 29, 2018

Não é só a sua pele que sofre com as temperaturas mais baixas. No inverno, a temperatura fria traz algumas agressões aos fios. Algumas consequências são: ressecamento, falta de brilho e quebra. Mas você sabe o motivo dessas agressões?

No inverno, optamos por banhos mais quentes, depois, utilizamos o secador. Essa combinação prejudica demais os cabelos, pontas duplas e descamação podem ser algumas das consequências mais comuns nestes casos. A água mais quente dos banhos também acaba retirando o óleo do couro cabeludo, que tem função de proteção natural e lubrificação dos fios. O que deixa o cabelo quebradiço e com aspecto de ressecado. O uso excessivo de equipamentos e todos os processos químicos pelos quais as mulheres passam também cooperam para que as madeixas precisem de mais cuidados. Então eu listei alguns cuidados com o couro cabeludo e com os fios, que não podem faltar no inverno! Confiram:

Hidratação

Opte por utilizar shampoo e condicionador de qualidade e sempre escolhendo a opção adequada para o seu tipo de cabelo. A hidratação é essencial para o cuidado com o couro cabeludo e com os fios. E ela pode ser realizada em casa, sem a necessidade de ir até um salão – tudo isso levando em consideração a escolha por produtos de marcas confiáveis e que se adequem ao seu tipo de cabelo.

Combatendo a oleosidade

É normal que os cabelos fiquem mais oleosos no inverno. Para evitar isso, é ideal que você escolha condicionadores e cremes mais leves para desembaraçar os fios.

Evite banhos muito quentes

A água quente é um dos principais vilões para o nosso cabelo (seja no inverno ou em qualquer estação). A questão é que no inverno costumamos tomar banhos muitos quentes e isso causa desidratação nos fios, provocando descamação no couro cabeludo, além de poder aumentar a queda. Por isso, evite tomar banhos muito quentes, opte pela água mais morna.

Cuidado com o secador

É muito comum utilizar mais o secador no inverno. Mas muitas vezes não utilizamos este equipamento da forma adequada. É importante aplicar um protetor térmico ou reparador de pontas, para manter os fios protegidos. Feito isso, é essencial não colocar o secador muito perto do couro cabeludo ou das madeixas; mantenha sempre uma distância considerável, para não danificar tanto os fios.