Café: ame ou odeie

Por: Manuela Rodrigues | julho 25, 2018

Se tem uma bebida que é conhecida mundialmente é o café! A maioria ama, mas alguns odeiam. O fato é que o café faz parte do dia a dia de boa parte da população mundial, principalmente dos brasileiros. Segundo uma pesquisa encomendada pela Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic), o café está presente em mais de 98% das residências do País. Bastante coisa né?!

Mas você sabe quais são os benefícios e/ou malefícios do café? Vem comigo que eu vou te contar algumas curiosidades!

Café é para todos?

Infelizmente não. Quem sofre com gastrite, má digestão, hipertensão, insônia ou osteoporose, devem evitar ou consumir café com moderação. Já as crianças não podem consumir a bebida. a indicação é que ele pode ser introduzido na alimentação somente a partir dos 6 anos, com moderação.

Café causa insônia?

A cafeína causa efeito estimulando nos deixando mais excitada e alerta, então dependendo do caso sim, o café pode causar insônia.

Café ajuda a emagrecer?

SIIIIMMMMM. Pode anotar essa super dica aí! Isso é verdede pois a cafeína é responsável por acelerar o metabolismo e promover a queima de gordura!

Café diminui a dor de cabeça?

Outro SIMMMM! A cafeína possui uma propriedade que dilata os vasos sanguíneos do corpo, contraindo os vasos do cérebro. Então acredita-se que seja essa vasoconstrição obtida pela cafeína seja responsável, ao menos em parte, pelo alívio de certas dores de cabeça. Mas só funciona se for tomado no início da crise da dor.

Eu sou uma amante de café, tomo várias vezes ao dia. E vocês, amam ou odeiam café?

Beijos

Kombucha, a bebida que virou febre entre a galera fitness

Por: Manuela Rodrigues | julho 16, 2018

Eu aposto que você já deve ter escutado falar da kombucha, a bebida que virou febre entre os adeptos a uma vida mais saudável e se tornou a queridinha da galera fitness. Que ela alcançou a fama é verdade, mas você sabe por que há tanto barulho em torno dela? Eu vou te contar!

Para quem não sabe, o kombucha é um chá milenar oriental. Milenar mesmo gente, ele existe há mais de dois mil anos na China. Mas do que ele é feito? O kombucha é uma bebida fermentada composta de bactérias xylinum e de leveduras. O seu processo de fermentação envolve a colônia de bactérias chamada popularmente de scoby. E em uma segunda etapa da fermentação, são inseridos sabores desejados. O que deixa a bebida saborosa.

Mas quais são os benefícios?

O que mais se fala sobre o kombucha é o ácido glicurônico, que ajuda na desintoxicação do organismo e eliminação de toxinas. Além disso, a bebida também ajuda no funcionamento intestinal, no aumento da imunidade, na absorção de nutrientes, além de melhorar a pele e auxiliar quem tem intolerâncias alimentares.

Sabia que dá pra fazer Kombucha em casa? Sim! E eu vou passar a receita pra vocês!

Ingredientes para a Primeira Fermentação:

– 3 L de água mineral
– panela de aço inoxidável, vidro ou cerâmica
– 1 xícara de açúcar refinado (açúcar branco)
– 5 sachês de chá preto
– 1 cogumelo de kombucha, também chamado Scoby
– 1 recipiente de vidro escaldado com água quente
– 300 ml de kombucha pronto, equivalente a 10% do volume total de kombucha a ser produzido (opcional)

Modo de preparo:

1.Lave bem as mãos e os utensílios, passando água quente e vinagre para ajudar a eliminar qualquer contaminação por micro-organismos. Coloque a água na panela e levar para aquecer. Quando a água ferver, adicione o açúcar e misturar bem. Em seguida, desligue o fogo e adicione os saquinhos de chá, deixando a mistura descansar por 10 a 15 minutos.

2.Coloque o chá no frasco de vidro e espere esfriar até ficar em temperatura ambiente. Em seguida, adicione o cogumelo de kombucha e os 300 ml de kombucha pronto, tampando o frasco de vidro com um pano e um elástico, o que irá permitir a circulação de ar sem deixar a mistura exposta. Guarde o frasco em um local arejado e sem muita luz por cerca de 6 a 10 dias, tempo em que a bebida final estará pronta, com o aroma de vinagre e sem sabor doce. No final do processo, uma nova colônia de kombucha é formada em cima da primeira, a qual pode ser guardada na geladeira ou doada para outra pessoa.

 

 

Especial Festa Junina: Conheça o concorrente do Quentão!

Por: Manuela Rodrigues | junho 19, 2018

Continuamos com nosso Especial de Festa Junina até o mês acabar! E como segunda-feira é dia de receitinha, eu vou te ensinar a fazer o concorrente do Quentão, sabe quem é? Ele mesmo, o vinho quente! A bebida mais popular na Festa Junina é o Quentão, mas outra bebida que também ganha o coração dos festeiros é o vinho quente! Apesar de um levar cachaça e o outro vinho, alguns ingredientes são comuns nas duas receitas, são eles: maça, laranja, canela e cravo. Para quem nunca experimentou, o vinho quente é quase uma sangria quente sem gás, rs. Já dá para imaginar o sabor não é mesmo? Então se prepara que aí vão os ingredientes e modo de preparo!

 

 

Ingredientes

– 2 xícaras de chá de açúcar cristal;
– Cascas de 2 laranjas;
– Cascas de 2 maçãs;
– 12 g de cravo-da-índia;
– 8 g de canela em pau;
– 1 litro de vinho tinto suave;
– 1/2 litro de água quente

Modo de preparo

  1. Em um caneco leve ao forno o açúcar, a canela, o cravo e as cascas de laranja e maçã. Mexa até virar uma calda escura.
    2. A partir daí, mexa até a calda açucarar e começar a esfarelar.
    3. Coloque a água e deixar virar um melado.
    4. Passe em uma peneira e volte com a mistura coada para o fogo.
    5. Coloque o vinho e retire quando começar a ferver.
    6. Adicione cubinhos de maçã e sirva quente.

 

Especial Festa Junina: Aprenda a fazer uma maça do amor light

Por: Manuela Rodrigues | junho 11, 2018

A Festa Junina traz consigo muitas tradições e entre elas, receitas deliciosas mas que são mais calóricas. Um dos pratos mais conhecidos e que nã0711o podem faltar na comemoração é a Maça do Amor. Então para aqueles que estão de dieta ou que não querem engordar, vou passar uma receita light de Maça do Amor ♥

11

Ingredientes

– 3 colheres (sopa) de água
– 2 maçãs grandes
– 2 colheres (sopa) de açúcar mascavo
– 2 colheres (sopa) de amendoim triturado
– 1 fatia do pão Grão Sabor Girassol e Castanha Wickbold (picada em pedaços pequenos)
– Suco de ½ laranja

Modo de preparo

1.Corte as tampas das maçãs e, com a ajuda de uma colher, retire a polpa, preservando o formato da fruta. Pique as polpas em cubos pequenos, excluindo os caroços.
2.Em um recipiente, misture as polpas da maçã e o pão picado com uma colher de açúcar, amendoim e suco de laranja.
3.Preencha as maçãs com a mistura e coloque-as em uma assadeira.
4.Forre o fundo de assadeira com água (aproximadamente um dedo) e leve ao forno médio por 20 minutos.
5.Enquanto isso, em uma panela, coloque o restante do açúcar e da água. Deixe o açúcar derreter e formar uma calda leve.
6.Despeje a calda sobre as maçãs assadas e sirva.

Especial Festa Junina: receita de canjica, cuscuz e quentão!

Por: Manuela Rodrigues | junho 4, 2018

Junho chegou e com ele vem uma das épocas mais queridas do ano: Festa Junina. E eu vou ensinar três receitas que não podem faltar na sua comemoração: canjica, cuscuz e quentão.

Tradicionalmente, as Festas Juninas começam no dia 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio e encerram no dia 29 de junho, dia de São Pedro. Já nos dias 23 e 24 é celebrado o dia de São João. Essa “tradição” existe há muuuuitos anos e – falando resumidamente –, a origem dessa festa é pagã. Ainda antes da Idade Média, as celebrações anunciavam o solstício de verão e de inverno e homenageavam os deuses da natureza e da fertilidade. A igreja acabou aderindo às festas atribuindo-lhes um caráter religioso, uma vez que não conseguia acabar com a sua popularidade (rs). Hoje, o que não pode faltar em qualquer Festa Junina é muita comida, quentão, danças e brincadeiras.

Agora vamos ao que interessa? Confere aqui embaixo essas três receitas que não podem faltar em nenhuma Festa Junina.

Quentão

Imagem Pinterest

Ingredientes

– 1 ½ xícara (chá) de açúcar
– 1 ½ xícara (chá) de água
– 50g de gengibre cortado em fatias finas
– 1 limão cortado em rodelas
– 4 xícaras (chá) de cachaça
– 3 cravos da índia
– 2 pedaços pequenos de canela em pau

Modo de preparo

1.Aqueça o açúcar em fogo alto, mexendo de vez em quando até caramelizar.
2.Junte todos os ingredientes menos a cachaça e ferva mexendo até dissolver o açúcar.
3.Coloque a cachaça, com cuidado, de preferência fora do fogo para não incendiar, misture e deixe ferver em fogo baixo por 3 minutos.
4.Sirva em caneca de barro ou louça, para não tirar o sabor do quentão.

 

Cuscuz Paulista

Imagem Pinterest

Ingredientes

– 1 lata de milho verde
– ½ xícara de chá de azeite
– 1 lata de ervilha
– 2 latas de sardinha ou atum
– 1 cebola picada
– 1 lata ou caixa de molho de tomate
– 2 latas de água
– 1 pimentão
– Cheiro verde, sal e temperos a gosto
– 3 ovos cozidos
– 1 caldo em tablete do sabor preferido
– 3 xícaras de farinha de milho grossa
– Tomate para decorar

Modo de preparo

1.Refogue no azeite o molho de tomate, a cebola, o pimentão, ervilhas, milho verde, azeitonas, cheiro verde, sardinha, os temperos e caldo em tablete.
2.Coloque a água e deixe ferver.
3.Depois, coloque a farinha de milho e cozinhe.
4.Unte a forma com azeite, e coloque os ovos, tomates, sardinha.
5.Coloque a massa na forma, deixe esfriar, e desenforme.
OBS: Rende: 10 porções

 

Canjica

Imagem Pinterest

Ingredientes

– 500 g de canjica branca
– 1 lata de leite condensado
– 1 vidro de leite de coco
– 50 g de coco ralado úmido e adoçado
– 1 litro de leite
– 8 colheres (sopa) de açúcar
– Canela em pó a gosto

Modo de Preparo

1.Lavar a canjica em água corrente.
2.Deixar de molho por aproximadamente 4 horas com o açúcar.
3.Cozinhar na panela de pressão com 2 litros de água por, aproximadamente, 20 minutos ou até que esteja macia.
4.Coloque em outra panela se necessário maior, acrescente o leite, o leite de coco, o leite condensado e o coco ralado.
5.Deixe ferver por 10 minutos mexendo sempre para não grudar no fundo da panela.
6.Desligue o fogo quando estiver bem cremosa.
7.Polvilhe a canela em pó.